Agradecimento

Agradeço a todas que contribuíram e as que pensam em contribuir no futuro. Muito obrigada.
"Se Deus encheu tua vida de obstáculos, é pq Ele acredita na tua capacidade de passar por cada um!"

OBS: Quem desejar participar do portal zap, é só enviar uma mensagem como o nome "portal" para o número 84-98631-3882.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Série Guerreiros do Vento - Bonnie Vanak

01 - O Falcão e a Pomba




Em 1892  a americana Elizabeth Summers, acompanha seu tio em escavações arqueológicas pelo Egito em busca de uma peça muito especial, o Almah. Embora Elizabeth trabalhe fazendo pequenas valas nas escavações, o fato de ser mulher, faz com que seu tio a deixe na catalogação das peças. Como seus antepassados, o Sheik Jabari e seus guerreiros do vento, têm a missão de velar e proteger o Almah dos infiéis, em nome de sua rainha Kiya. Quando Elizabeth descobre onde está enterrado o prezado tesouro, Jabari a rapta para evitar que os de seu clã a puna por profanar suas terras e a leva para seu harém. Mesmo que pese em todos, entre Elizabeth e Jabari surge uma intensa atração. A mancha em forma de pomba sobre o corpo da jovem, confirma a Jabari que está ante a reencarnação da rainha Kiya, que, como anunciava a profecia, retornou para entregar seu amor ao chefe dos guardiões e o fazer feliz.





02 - O Tigre e a Tumba



A única opção que Lady Katherine tem para evitar que seu pai seja injustamente acusado de ladrão é roubar ela mesma o mapa de uma tumba perdida e encontrar o tesouro que se esconde clandestinamente. O que Catherine desconhece é que Ramsés, seu adversário, é um dos homens mais perigosos do deserto; um autêntico sedutor que derrete a qualquer mulher com seu olhar cor âmbar, as carícias de seus lábios e a delicadeza de seus braços. Assim, e apesar de todas suas precauções, a jovem dama sucumbe ao encanto daquele ao que chamam o tigre e se entrega a ele nas areias do deserto. Só depois, ambos descobrirão que suas vidas estavam já predestinadas desde o tempo de seus ancestrais para compartilhar o amor que se professam na mais selvagem das aventuras que possam imaginar.




03 - A Cobra e a Concubina



Badra se refugiou no deserto do Saara, mas não há como escapar do xeque que roubou sua infância. O vilão acendeu uma paixão nos homens que significou apenas dor e nem sua morte ou a proteção de seus salvadores, os Khamsin, mudou isso.
Badra não pôde esquecer como os olhos de safira de um Khamsin queimam. Kenneth Tristan, herdeiro do Duque de Caldwell, andava com os Khamsin desde o massacre de sua família inglesa. Conhecido como Khepri, a Cobra, foi criado no Egito.
Ele amava esta terra, toda a areia ao vento, mas nada era completo, pois não podia tocar a mulher que ama, não pode salvá-la do passado. Mas vai sacrificar tudo por ela. E até que chegue esse momento seriam apenas... A Cobra e a concubina.




04 - A Pantera e a Piramide




Graham Tristan foi um homem atormentado durante muito tempo.
Durante anos viveu sob o medo. Ele era psicologicamente forte.
Durante seu exílio na infância, ele cavalgou com os Khamsin – Os guerreiros Egípcios do Vento. Aprendera seu código. Ele era chamado de 
"A Pantera".
Agora retornara ao seu lugar de origem como o Duque de Caldwell.
Mas ele ainda vive com medo. E um novo rosto assombrava seus sonhos.
Um rosto feminino. Cabelos ruivos, da cor do sangue. Seus olhos verdes, esmeraldas. E aquela face, e aquele corpo, aquela lembrança o consumia.
Realmente, ele era um homem perigoso, fora aceito pela sociedade com distinção apesar da sua criação; mas existiam aqueles que se opuseram a ele, e certamente ele não aceitaria aquilo. Em seus sonhos, aquela mulher ameaçava tudo que ele deveria proteger; tudo que pensava em esconder. Ela era mais perigosa do que o antigo tesouro que podia convencê–lo a voltar ao Egito, voltar ao deserto onde ele tinha sido criado. Essa mulher poderia desvendar seu coração. Comentário da leitora final Manuela Souza Gostaria de comentar que este livro é muito intenso.  O sofrimento do mocinho, o amor que ele tem pela mocinha e o sacrifício que faz em nome deste amor me fizeram refletir sobre a doação plena que só o amor verdadeiro pode proporcionar. Realmente é muito bonito o livro. A autora toca fundo e tenho que contar que chorei com a morte do camelo... Beijos, Manú.




05 - A Espada e a Bainha




Uma guerreira em seu coração e alma, Fatima sonha em ser um guerreiro Khamsin 

Com o dom da visão, ela deverá usar este dom/maldição para proteger seu amigo, que é o próximo na linha para liderar sua tribo. 
Mas ela deverá escolher entre a honra, o dever e o amor verdadeiro 
Tarik, um guerreiro khamsin feroz, igual ao seu totem  
Deseja e fará de tudo para conquistar uma certa guerreira que tem a alma como o vento do deserto.

Comentário revisora Serenah: Sei que gosto é gosto... Normalmente não gosto de históricos, quando tenho que revisar um, sofro muitoo... Mas gente... A-DO-REI esta estória. Leve, sensual e com partes que considerei engraçadas. Sem contar que tem alguns ingredientes que realmente chamam a atenção: -Sheik -Espadas -Mocinho sensual e teimoso -Mocinhas virgens teimosas -Mamão - a parte do mamão... Nem falo. -Armas de tiro -Ciúmes -Gente aprontando Boa leitura e espero que gostem!!!! Serenah




06 - O Escorpião e o Sedutor 




Jasmine Tristan não era uma estranha para a classe superior da sociedade inglesa. E, embora, adotada pir um visconde, a chamavam de - Escorpião Marrom- e conhecia bem o ferrão cruel do isolamento. Sua mãe manifesta seus tomares quando a ira da Jasmine explode. Acaso Jasmine alberga tanta maldade em seu coração, como seu pai, o sultão de quem estava fugindo? Como podia ser assim, quando com Lord Thomas Claradon a havia conhecido em um momento de pura beleza? Seus beijos eram ardentes como o sol do deserto. Mas como uma tempestade de areia, sua direção não era a correta; o desprezo da mãe de Thomas e a lealdade deste para com sua família e o dever fazem com que seja inalcançável. Apenas voltado a seu lugar de nascimento, em busca de suas raízes, conseguirá Jasmine a resposta... e pode que o verdadeiro amor triunfe sobre a ignorância e a paixão sobre o preconceito.





07- A Dama e o Libertino




Um bonito conde inglês deseja seduzir uma beleza virginal, a fim de roubar o vasto tesouro que ela guarda no Egito. 

Anne Mitchell que nasceu como filha ilegítima e cresceu num abrigo de pobres, vendida por sua mãe e enviada pelo seu pai para o Oriente, tinha todos os motivos para perder a fé. Mas no Egito ela achou sua identidade com os Khamsin, uma tribo de guerreiros beduínos. 
Quando um grande segredo lhe foi confiado, sua honra lhe foi devolvida e para mantê-la faria qualquer coisa. 
Nigel Wallenford era um conde. E também um ladrão, mentiroso e libertino.  Recuperar seu direito de primogenitura em relação à Claradon tinha sido o começo.  Em seguida, ele queria riqueza, e sabia sobre a lenda de um tesouro... e sua guardiã era um figo maduro que aguardava ser colhido.  Ele nunca teve escrúpulos para enganar, roubar ou até mesmo assassinar.  Uma inglesa despatriada, não importa o quão atraente fosse nunca iria conseguir detê-lo. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário